Junho 17, 2024

Justiça de São Paulo decreta falência da companhia aérea Itapemirim

0

A companhia não operava desde a véspera do Natal de 2021, quando estima-se que prejudicou cerca de 133 mil passageiros após uma suspensão repentina dos voos.

A Justiça de São Paulo decretou, nesta segunda-feira 17, a falência da Itapemirim Transportes Aéreos, companhia aérea do Grupo Itapemirim. A companhia não operava desde a véspera do Natal de 2021, quando estima-se que prejudicou cerca de 133 mil passageiros após uma suspensão repentina dos voos.

Em recuperação judicial desde 2016, o grupo de propriedade de Sidnei Piva de Jesus tinha dívidas que superavam os 250 milhões de reais e já teve a falência decretada em setembro do ano passado. Sobre a companhia área, porém, ainda restava um impasse.

Pela decisão da Justiça paulista, assinada pelo juiz João de Oliveira Rodrigues Filho, o próximo passo é avaliar e lacrar os bens da empresa. A responsabilidade, neste caso, ficará a cargo da EXM Partners Assessoria Empresarial, nomeada como administradora judicial da Itapemirim. Ela tem 180 dias para cumprir o processo de avaliação e venda dos bens da companhia.

A determinação de Rodrigues Filho também prevê que, em até 15 dias, os credores da Itapemirim se apresentem ao administrador judicial para validar ou questionar os valores apresentados pela companhia aérea. De acordo com o site G1, o grupo deve também outros 2,2 bilhões de reais em impostos.

FONTE: Carta Capital /Com informações do G1.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *